Publicado em

AVAREZA CRISTà

O cristão tem que ser generoso e não preso ao dinheiro. Isso seria apenas avareza. O Novo Testamento nos ensina a ofertar voluntariamente, mas não diz qual quantidade, por outro lado, diz que deve ser de acordo com o que ganhamos, ou seja, quem ganha mais, oferta mais.

O dízimo é um valor que bom que muitas igrejas sadias têm adotado, pois tem todos os critérios que o ensino da Nova Aliança ensina (e pede) e também já era um valor usado antes (por Israel). Mas é apenas uma oferta de 10%, nada mais que isso, não tem simbologia, nem ritualismo, nem magia, nem proteção financeira, nem nada. É pura gratidão.

Qualquer outro tipo de petição de dinheiro é pura artimanha (ofertas alçadas, oferta de primícias, oferta de papai Noel, oferta do coelhinho da Páscoa, oferta sacerdotal, etc).

A ganância está sendo mantida tanto pela liderança corrupta e enganosa, quanto pelos crentes cegos, que só ofertam pra ver se conseguem receber bênçãos extras. Dizimam em suas igrejas, mas nunca ajudam os necessitados; ofertam em campanhas, mas nunca de fato investiram no avanço do Evangelho.

– Lucas Rosalem