Menu fechado

Crente de Internet

Por Lucas Rosalem.

Quantas vezes, só este ano, você já viu crente na internet xingando pessoas de “lixo” pelo simples fato de discordar da opinião delas?

Chamar gente de “lixo” é declarar não ter a menor noção do que é ser cristão: uma fé que muda a nossa postura em relação, principalmente, aos discordantes (Tiago 3:9).

Por mais imbecil que seja uma opinião política, econômica, ideológica ou religiosa (imbecil no sentido de não ter sentido ou de, na prática, trazer algum malefício) não define caráter. Ignorância e caráter são coisas diferentes. Pessoas extremamente mal instruídas podem ser fiéis a ideias estúpidas de forma sincera, achando que essa ou aquela ideia seja realmente melhor. Ainda que alguém defenda uma ideia apenas por interesses imorais, se você é cristão, DEVE se virar pra amar esse alguém, e não tem chororô. Se a sua teologia pública (o jeito que você demonstra na prática as suas convicções) mostra algo diferente dessa regra, você, na prática, não é cristão (pense aí no que isso significa).

A maioria dos “crentes” que xingam de “lixo” qualquer opositor na internet não sente nenhuma dificuldade nisso porque sua mente está longe demais de qualquer preocupação em trazer aquelas pessoas (ou quaisquer outras!) pra perto de Jesus. É óbvio: porque o mesmo Espírito Santo que continua a obra interna nos fazendo dar bom testemunho, é também quem nos prepara para tal testemunho a fim de que possamos falar de Cristo com alguma legitimidade.

Se você, na internet, “luta” contra a característica mais fundamental do cristão, que é seu trato com o próximo (ainda mais publicamente), você está declarando não ter parte nenhuma com o corpo de Cristo ou com a salvação por Ele conseguida ao povo de Deus.

Twitter Facebook Instagram

  • R$ 20,00
    Ou em até 4x de R$ 5,00
    Sem Juros - PagSeguro
  • R$ 26,00
    Ou em até 5x de R$ 5,20
    Sem Juros - PagSeguro
  • R$ 26,00
    Ou em até 5x de R$ 5,20
    Sem Juros - PagSeguro

Artigos relacionados